Muito além do relatório: Food service e varejo se beneficiam de ferramentas de Business Inteligence para tomada de decisões

A E-Deploy realizou um upgrade em seu serviço de Business Inteligence (B.I.). A ferramenta, que já estava em pleno funcionamento na solução de gestão para restaurantes da empresa, o 3S Checkout, está ainda mais eficiente e atrativa para restaurantes e estabelecimentos de varejo.

A começar com a facilidade de utilização. Com o B.I. do 3S Checkout, é mais simples interagir com dashboards criados pelo estabelecimento ou utilizar padronizados e disponibilizados pela E-Deploy.

área de integração de dados foi reformulada para levar uma interação ainda mais fácil com as principais informações de vendas. Outra novidade é a nova versão do dicionário de dados e a forma de importar informações, tudo disponível a um click, de forma automática, atualizada e instantânea.

“Os clientes que optam por nosso B.I. podem criar todos os dashboards e todas as análises. Com a licença, já recebem a estrutura de dados do 3S Checkout, que é atualizada constantemente. Já está tudo na palma da mão para realizar as análises utilizando dados”, explica Antonio Cesar Koury Júnior, Diretor de Produtos da E-Deploy.

É possível utilizar dashboards padronizados de curva aquecida de produtos, vendas por loja com funil de pedidos, compras canceladas, entre outros. Com esses dados, os estabelecimentos analisam o sucesso das unidades, qual o tipo de venda é mais bem sucedido (totem, delivery, balcão etc.) e realiza análises de vendas por data e horários, entre outros.

Os dados gerados pelo B.I do 3S Checkout são fáceis de analisarinclusive visualmente. Os filtros são amigáveis, muito mais fáceis de manejar do que na utilização planilhas de Excel, por exemplo. A seleção é intuitiva e de resposta em tempo real. Com as novidades da ferramenta, os restaurantes podem chegar em três níveis de coleta de dados: dados de vendas em diferentes tempos (no dia, na semana, no mês…), dados atualizados de hora em hora, que podem ser filtrados de diversas formas e os relatórios de backoffice, dos quais consegue-se extrair informações desde o início da operação, com diversos níveis de velocidade e profundidade de análise.

O B.I. é uma ferramenta que dá ao cliente a possibilidade de entender estrategicamente o seu negócio. É possível cruzar informações dos produtos e das vendas para entender de uma forma mais ampla o cenário e realizar os ajustes necessários. As decisões se tornam mais assertivas porque são baseadas em dados empíricos. Não é mais necessário confiar em “feeling”, está tudo ali, comprovado”, diz Michel Lisboa e Cruz, head de Customer Success da E-Deploy.

Ver mais: ChatGPT e o futuro da produtividade empresarial

Ver mais: Warren Buffet investiu milhares de milhões nestas acções recentemente

Ver mais: Lemon crypto wallet facilita $USDC no Brasil e na América Latina com Stellar